Rayssa Leal leva o primeiro ouro do Brasil no Pan de Santiago; Pâmela Rosa é prata - Esportes
ESPORTES

Rayssa Leal leva o primeiro ouro do Brasil no Pan de Santiago; Pâmela Rosa é prata

Skatista de 15 anos confirmou o favoritismo; americana Paige Heyn ficou em terceiro


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

Rayssa Leal e Pâmela Rosa levaram neste sábado, dia 21, medalhas de ouro e prata, respectivamente, no skate street dos Jogos Pan-Americanos do Chile.

A Fadinha chegou ao país como atual campeã mundial, além de ter vencido o Super Crown da Street League, e somou 236,98 pontos na Esplanada de Esportes Urbanos do Parque do Estádio Nacional, em Santiago.

Pâmela vem de lesões, mas vive seu melhor momento desde os Jogos Olímpicos de Tóquio. Ela cravou 211,34 pontos, enquanto a americana Paige Heyn completou o pódio com a medalha de bronze ao totalizar 176,35.

  
Rayssa Leal divulgação / World Skate Skateboarding
 
 
 

As provas de skate, incluídas pela primeira vez nos Jogos Pan-Americanos, serão disputadas no sábado e no domingo nas modalidades street e park masculino e feminino.

"Eu estou muito feliz. Com todas as conquistas que tivemos este ano pelo Brasil e com metas pessoais. Eu e a Pâmela fizemos dobradinha, então é só gratidão", disse Rayssa Leal em entrevista ao Canal Olímpico.

Com o feito no skate, o Brasil chegou à sua terceira medalha nesta edição dos Jogos Pan-Americanos. Além do ouro e da prata da Rayssa e Pâmela, há um bronze conquistado por José Gabriel Marques, atleta de mountain bike que ficou em terceiro lugar no Cross Country Masculino neste sábado.

A disputa

Rayssa foi a melhor na primeira volta. Ela teve nota de 76,03, contra 70,24 de Pâmela Rosa e 65,18 da americana Paige Heyn. Na segunda, Pâmela aumentou sua nota, chegando a 73,17 pontos, ainda atrás da melhor volta de Rayssa.

Na sua segunda tentativa, a Fadinha tentou manobras mais difíceis, cometeu erros e ficou com 44,82. A americana ficou com 69,52 e não conseguiu alcançar as brasileiras na segunda volta.

Nas manobras, Pâmela errou as duas primeiras tentativas e chegou a ter suas chances de pódio ameaçadas. Mas conseguiu 60,73 em sua terceira manobra e 77,44 na quarta, voltando à segunda posição.

Rayssa foi ainda melhor. Conseguiu 76,72 na sua terceira tentativa e 84,23 na quarta, a maior nota recebida nesta disputa do street feminino.

Fonte: R7


Dê sua opinião:

Fique conectado