Advogado denuncia falta de plantão no Judiciário do Piauí: “Meu cliente morreu” - Geral
DENÚNCIA

Advogado denuncia falta de plantão no Judiciário do Piauí: “Meu cliente morreu”

Segundo o profissional, um cliente faleceu por falta de uma resposta rápida diante de uma ação urgente


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

O advogado criminalista Lucas Ribeiro fez uma denúncia e solicitou a criação de um plantão do Poder Judiciário de primeiro grau durante a semana, de segunda a sexta. Segundo o profissional, um cliente faleceu por falta de uma resposta rápida diante de uma ação com caráter de urgência.

O advogado disse que após 13h30 não há nenhum juiz de primeiro grau de plantão que possa atender as demandas urgentes da advocacia do estado que surjam nos horários da tarde e noite.  

  

Advogado denuncia falta de plantão no Judiciário do Piauí: “Meu cliente morreu”
Reprodução

   

“A falta de uma escala de plantão para atender os pedidos que são urgentes é preocupante. Essa é uma causa de muitos advogados. Nós até protocolamos, mas somos atendidos somente dias depois, após nosso pedido é redistribuído para uma das varas que não possuem caráter de plantão. É um prejuízo muito grande”, afirmou o advogado. 

Lucas diz ainda que um cliente dele, de um causa voltada ao Direito Médico, perdeu a vida por causa da demora na resolução de um protocolo, que acabou colocando sua vida em risco.

“A falta de atendimento por meio de um plantão judiciário de primeiro grau sempre atrapalhou. Mas dessa vez, um cliente chegou a perder a vida. Precisava de uma transferência de hospital, mas pela ausência de um plantão judiciário, o meu pedido só foi decidido dias depois. Iniciar um plantão no Judiciário Piauiense poderá salvar vidas e atender outras demandas de urgência”, completa. 

O outro lado

O A10+ procurou a Corregedoria do TJ-PI para esclarecimentos, mas até o fechamento desta matéria não houve retorno. O espaço segue aberto para posicionamentos. 

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre o projeto aprovado pela Câmara que equipara aborto a homicídio

ver resultado