Professora Sueli Rodrigues morre, aos 58 anos, em Teresina - Geral
LUTO

Professora Sueli Rodrigues morre, aos 58 anos, em Teresina

Ela disputou o cargo de governadora nas eleições de 2018 pelo PSOL


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

(Atualizada às 17h30)

A advogada Maria Sueli Rodrigues de Sousa, conhecida popularmente como Professora Sueli, morreu aos 58 anos na tarde desta terça-feira (26), em Teresina. Maria Sueli foi diagnosticada com esclerose lateral amiotrófica (ELA).

A esclerose lateral amiotrófica é uma doença degenerativa que afeta o sistema nervoso de forma progressiva e causa paralisia motora irreversível e também perda da capacidade de falar, movimentar, engolir e respirar.

  

Professora Sueli Rodrigues morre, aos 58 anos, em Teresina
Reprodução

  

Maria Sueli Rodrigues de Sousa tem um histórico de lutas em defesa da universidade pública e contra as opressões de raça, gênero e orientação sexual. Era advogada, professora de Direito, com mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente pela UFPI e doutorado em Direito, Estado e Constituição pela Universidade de Brasília (UnB).

Pelo PSOL, Sueli Rodrigues disputou o cargo de governadora nas eleições de 2018. Na época ela obteve um total de 12.271 votos. Ela também foi candidata a vereadora em Teresina nas Eleições 2020. 

Sueli Rodrigues fez parte da militância política do PT. Ela saiu do partido, em 2001, e resolveu se filiar ao PSOL, em 2017. O velório está previsto para ser iniciado na noite desta terça-feira (26) no Memorial Esperança Garcia.

  

Ela foi diagnosticada com esclerose lateral amiotrófica (ELA)
Reprodução

  

O Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado – PSTU e o Polo Socialista Revolucionário divulgaram nota de pesar pela morte da professora. 

Veja abaixo:

O Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado – PSTU e o Polo Socialista Revolucionário recebem, com bastante tristeza, a informação sobre o falecimento da Professora Maria Sueli Rodrigues de Sousa.

Nesse momento de dor, queremos fraternalmente demonstrar todo o carinho e reconhecimento pela história de luta da companheira Sueli, ao mesmo tempo em que nos solidarizamos com sua família, amigos e a militância do PSOL.

Em sua homenagem, nada mais justo que reafirmamos o compromisso em construir um mundo justo e igualitário, um sonho que ela sempre cultivou e pelo qual lutou até os últimos dias da sua vida.

Prefeitura de Teresina lamenta

A Prefeitura de Teresina lamentou o falecimento da professora e advogada Sueli Rodrigues. Em nota, o prefeito Dr. Pessoa prestou condolências aos amigos e familiares da vítima. Confira abaixo:

A Prefeitura de Teresina lamenta o falecimento da professora e advogada Sueli Rodrigues, aos 58 anos na tarde desta terça-feira (26). Sueli destacou-se não só no meio acadêmico como professora e pesquisadora do Direito, mas também nas causas sociais como militante do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), sigla onde disputou mandato de vereadora de Teresina e governadora do Estado. O prefeito Dr. Pessoa se solidariza com a família e amigos enlutados, ao tempo em que expressa condolências a todos

Currículo de Sueli Rodrigues

Sueli Rodrigues possuía graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Piauí (1996) e Direito pela Universidade Estadual do Piauí (2003), advogada, mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente pela Universidade Federal do Piauí (2005), é doutora em Direito, Estado e Constituição pela Universidade de Brasília (2009), com estágio pós doutoral pelo PNPD - Programa Nacional de Pós Doutorado, na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, junto ao Programa de Pós-Graduação em Educação, Contextos Contemporâneos e Demandas Populares (PPGEduc). 

A professora tinha experiência na área de Direito, Sociologia e Antropologia, com ênfase em teoria do Direito, Sociologia Jurídica, Antropologia Jurídica, Direito Ambiental e Socioambiental, Direito Constitucional, atuando, principalmente, nos seguintes temas: direito constitucional, direito socioambiental, direito territorial, direitos humanos. Foi professora  Associada da Universidade Federal do Piauí, lotada no Departamento de Ciências Jurídicas - DCJ, no Programa de Pós-Graduação em Sociologia, no Programa de Pós Graduação em Gestão Pública, no Núcleo de Pesquisa sobre Africanidades e Afrodescendência - IFARADÁ e do Grupo de Pesquisa Direitos humanos e Cidadania - DiHuCi.

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre o projeto aprovado pela Câmara que equipara aborto a homicídio

ver resultado