SAF distribui seis toneladas de alimentos para 500 famílias em situação de vulnerabilidade social - Geral
AGRICULTURA FAMILIAR

SAF distribui seis toneladas de alimentos para 500 famílias em situação de vulnerabilidade social

Durante a entrega, o ministro Wellington Dias anunciou R$ 21 milhões em investimentos para o PAA


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

A Secretaria da Agricultura Familiar (SAF) realizou, nesta sexta-feira (17), a entrega de 6 toneladas de alimentos produzidos por agricultores familiares para cerca de 500 famílias, que vivem em situação de vulnerabilidade socioassistencial, assistidas por instituições de Teresina. Os produtos foram adquiridos por meio dos programas de Aquisição de Alimentos (PAA), do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) e executado em parceria com a SAF, e de Alimentação Saudável (PAS), executado pelo Governo do Piauí por meio de recursos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza (Fecop).

Foram entregues mamão, abóbora, macaxeira, milho, feijão, banana e peixe, dentre outros produzidos por agricultores e agricultoras de Teresina, União, José de Freitas e Água Branca. Os produtos somaram um investimento de mais de R$ 33 mil. A entrega foi realizada no Centro Guadalupe, localizado na Vila Operária, zona Norte de Teresina.

  

Durante a entrega, o ministro Wellington Dias anunciou R$ 21 milhões em investimentos para o PAA
Divulgação
  

Durante a entrega, o ministro do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, Wellington Dias, anunciou um investimento de R$ 21 milhões para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) a ser executado pela SAF no Piauí.

“A gente quer tirar o Brasil do mapa da fome e essa ação conjunta do governo federal com o Governo do Estado tem um papel importante na produção do alimento, compra lá direto, o dinheiro vai para o bolso daqueles agricultores e o alimento saudável vem para quem precisa. É a cozinha solidária, é o PAA Leite, então, estou muito feliz com esses R$ 21 milhões que estamos liberando hoje. O resultado é esse, comida boa chegando na mão de quem precisa”, citou.

O governador em exercício, Themístocles Filho, citou a importância de programas que incentivem a produção da agricultura familiar. “Com esses incentivos, a Secretaria da Agricultura Familiar vai fazer isso centenas e centenas de vezes no Piauí; então, com dinheiro e o cidadão tendo técnica, é importante que se coloque assistência técnica para melhorar essa produção, com irrigação, dá tudo certo”, disse.

A secretária da Agricultura Familiar, Rejane Tavares, citou o papel das instituições socioassistenciais que foram beneficiadas com as entregas, dentre as quais, entidades que recebem os alimentos da agricultura familiar e fornecem refeições para famílias carentes.

“Estamos contribuindo com um dos ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável) que é o combate à fome. Sabemos que esse trabalho é importante para todas as entidades que estão aqui. Os grandes heróis desse evento não somos nós, mas são aqueles que estão entregando comida para quem mais precisa, que têm coragem de transformar a garagem da casa em uma cozinha para fazer comida para quem precisa", pontuou Rejane, explicando que existem entidades que entregam 400 pratos de comida todo dia.

  

SAF distribui seis toneladas de alimentos para 500 famílias em situação de vulnerabilidade social
Divulgação
  

Quem comemora o recebimento dos alimentos são as famílias que vivem em situação de vulnerabilidade socioassistencial. Valdilene Brito faz parte da Associação dos Amigos da Sopa (Casa da Sopa), que atende 400 famílias da região da Grande Santa Maria. Ela frisa que os alimentos recebidos vão fazer a diferença na vida das famílias beneficiadas.

“Não temos palavras diante de tudo que está acontecendo no nosso país, a gente espera mais ações nesse sentido para ajudar a melhorar a vida das famílias. E alimento, além de ser caro, a gente come o dia todo, né? Então, agradeço a essa nova forma de ajudar tanto as pessoas que precisa como os produtores. Esperamos que essa parceria continue”, citou.

PAA e PAS ajudam a reduzir a fome no Piauí

O Programa de Alimentação Saudável (PAS) é desenvolvido pelo Governo do Piauí, por meio da SAF, e consiste na compra de alimentos da agricultura familiar com distribuição simultânea para as famílias em situação de vulnerabilidade social. Entre janeiro e abril de 2024, foram entregues mais de 280 toneladas de alimentos que beneficiaram 18,8 mil famílias. Foram 383 agricultores beneficiados que venderam mais de R$ 645 mil em produtos.

Já o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), desenvolvido pelo governo federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), em parceria com a SAF, já entregou, no primeiro quadrimestre do ano, 492 toneladas de alimentos que beneficiaram mais de 32 mil famílias. Foram investidos R$ 2,8 milhões para a compra de diversos produtos de 978 agricultores familiares de todo o estado.

Em 2023, o PAA comprou, no Piauí, alimentos de 684 agricultores familiares, o que corresponde a um total de 1.222.149 kg de produtos. Os alimentos adquiridos pelo PAA foram distribuídos a 147 instituições sociais que, ao fazerem a sua distribuição, chegaram à mesa de 79.670 famílias. O montante financeiro investido no PAA foi de R$ 4.584.606,34.

O PAS, no ano passado, impactou positivamente a vida de 1.414 agricultores, beneficiou 142 instituições que receberam os alimentos e atendeu a 59.249 famílias em situação de vulnerabilidade social. Esse estímulo resultou na produção de 580.242 kg de alimentos, gerando uma movimentação financeira de R$ 5.209.303,57 para a cadeia produtiva da agricultura familiar do estado.

Políticas públicas bem-sucedidas de segurança alimentar e diminuição da pobreza, baseadas em experiências como a do PAA e PAS, estão sendo debatidas no âmbito da Aliança Global contra a Fome e a Pobreza no G20. Entre 22 e 24 de maio, a reunião em Teresina deve consolidar os termos finais da aliança. A iniciativa será lançada em novembro, no Rio de Janeiro.

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre o projeto aprovado pela Câmara que equipara aborto a homicídio

ver resultado