Jovem é surpreendido e morto a tiros a caminho do trabalho no Piauí; colega escapa pulando em rio - Polícia
POLÍCIA

Jovem é surpreendido e morto a tiros a caminho do trabalho no Piauí; colega escapa pulando em rio

Segundo a PM, crime foi motivado por disputa de facções por território de venda de drogas


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

Um jovem de 24 anos, identificado como Fábio Silva Mendes, foi morto a tiros na manhã desta terça-feira (11), no povoado Vazantinha, no bairro Ilha Grande de Santa Izabel, na cidade de Parnaíba, Litoral do Piauí. Fábio estava acompanhado de um outro homem, que conseguiu fugir da ação criminosa.  

Segundo informações, Fábio e um colega estavam indo ao trabalho quando foram abordados por dois homens encapuzados e armados, que atiraram contra eles. Fábio foi atingido e seu colega fugiu pulando em rio. O tenente-coronel Delgado, comandante 2° BPM, informou à TV Antena 10 que a morte pode ter sido motivada por briga entre facções criminosas e que Fábio era parente de uma pessoa envolvida com crime.

  

Segundo a PM, crime foi motivado por disputa de facções por território de venda de drogas em Parnaíba
Divulgação

   

“Com relação a autoria a Polícia Civil está investigando e não temos como atestar. O que sabemos é que esse homicídio tem a ver com a disputa de território para venda de drogas. A princípio o que nós sabemos é que ele tem parentesco com pessoas envolvidas com o tráfico, mas em relação a ele não temos essa certeza. As investigações vão apurar, mas todo esse cenário é fruto da disputa por espaço para tráfico”, explicou. 

Fábio foi atingido na região da cabeça. O SAMU chegou a ser acionado, mas quando chegou ao local a vítima já estava morta. “Eles saíram de dentro do matagal e abordaram esse indivíduo, que estava acompanhado de uma outra pessoa, que conseguiu pular na água e se evadiu. Ele [vítima] foi praticamente executado”, disse à TV Antena 10.

  

Homem de 24 anos é surpreendido e morto a tiros enquanto ia para o trabalho no Litoral do Piauí
Divulgação

   

Segundo o PM, crimes motivados por disputa de território vêm sendo registrados com frequência na região. O PM afirmou ainda que o policiamento no local tem sido reforçado para evitar mais crimes.

“Já foram 3 homicídios na região. Estamos fazendo operações rotineiramente, nosso trabalho está intenso e contínuo para que a gente garanta a sensação de segurança da população”, finalizou.

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre o projeto aprovado pela Câmara que equipara aborto a homicídio

ver resultado