Nômade Digital: como viajar o mundo enquanto trabalha - A10+ pelo Mundo
A10+ pelo Mundo
A10+ PELO MUNDO

Nômade Digital: como viajar o mundo enquanto trabalha

Já são mais de 35 milhões de pessoas no mundo que escolheram viver assim


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

Já pensou poder viajar e morar em qualquer lugar do mundo, ou em vários lugares, sem deixar de trabalhar e ganhando dinheiro todo mês? Sim, é possível! É isso que os famosos nômades digitais vem fazendo há bastante tempo, viajando bastante e vivendo experiências incríveis. 

O que é nômade digital? 

A definição de nômade digital é simples: são pessoas que realizam trabalhos que não precisem esta fisicamente em um lugar, e por isso tem liberdade de trabalhar de onde quiserem, propiciando a eles a oportunidade de viajar, sem ter uma residência fixa. 

  

Nômade Digital: como viajar o mundo enquanto trabalha Freepik

   

É importante saber, que se você tem uma casa, viaja por um tempo e retorna, isso não te faz nômade, mesmo que seu trabalho seja online. E não pense que isso é novo, pois já com alguns anos da chegada da internet, muita gente já aproveitava a oportunidade para descobrir uma forma de ganhar dinheiro online e conseguir ter isso que chamamos de "liberdade geográfica". 

Como trabalhar online? 

Resumidamente existem duas formas de trabalhar online e conseguir viajar ao mesmo tempo. O primeiro é o CLT que atua em home office. Ele trabalha para alguma empresa de forma online, que não exige que ele esteja presente na cidade do labor, podendo assim, trabalhar de onde ele quiser. Nesse caso, na maioria das vezes não existe uma liberdade de horário, pois geralmente o CLT tem que cumprir e estar disponível durante a jornada padrão de trabalho. 

Depois da pandemia de 2020, muitos empregadores começaram a oferecer cargos nesse formato, o que causou um "boom" de nômades digitais através do mundo, até mesmo profissões que nem imaginávamos ser inviável trabalhar dessa forma, como advogados, por exemplo. O segundo é o "freelancer" ou o empreendedor individual.

Aqui existem vários trabalhos que podem ser feitos, desde prestar algum serviço para várias empresas sem existência de contrato fixo, fazer alguns trabalhos pontuais, ou trabalhar com produção de conteúdo, ou vendas online. A internet é um verdadeiro "oceano azul" de possibilidades, que fornece inúmeras oportunidades de ser bem-sucedido, mediante planejamento e foco. 

Como virar um nômade digital? 

O primeiro passo para viver essa experiência, é pesquisar sobre trabalhos que possam ser realizados de forma online, e após selecionar aquele que você possui mais talento e afinidade, comece a estudar, fazer cursos e se aperfeiçoar na área. 

Não adianta escolher ou migrar para uma profissão que não te agrada, você vai estar viajando e mesmo assim não se sentirá bem com o que faz. 

Esses são alguns exemplos de cargos mais exercidos por nômades: 

  • Social Media 

  • Desenvolvedor de Software 

  • Copywriter (Redator) 

  • Custome Service (Atendimento online ao cliente) 

  • Designer Gráfico 

  • Gestor de Tráfego 

  • Web Designer 

  • Fotógrafo 

  • Editor de Vídeo

Vale lembrar, que além dessas profissões mais contemporâneas, existem diversas profissões consideradas tradicionais que em que muitos nômades conseguem exercer online, em áreas como de arquitetura, design de interior, advogado, psicologo, nutricionista, e outros.   

Os benefícios de ser nômade digital? 

Além de ter liberdade e poder trabalhar de onde quiser, conhecer lugares novos, pessoas novas, e viver aventuras, existe uma coisa que pouca gente lembra quando se fala de nomadismo digital. Os nômades pagam muito menos contas que um trabalhador normal.

Isso porque ele opta por uma vida mais minimalista, deixando de ter muitos bens materiais como carro, casa, eletrodomésticos, para viver com menos e ter mais experiências. Não tem pagamento de parcela de carro, seguro, não tem que pagar parcela de casa, ou reforma, ou outros boletos que são mensalmente necessários numa vida normal. 

Por não ter residência fixa, muitas vezes nômades ficam em hotéis e Airbnb, não precisando arcar com conta de energia, de água ou de gás. Mais economia e dinheiro no bolso. Se você somar bem essas contas, principalmente no Brasil, vai dar um valor bem alto, e o nômade digital usa isso para viajar mais e conhecer mais lugares. 

Os desafios de ser nômade digital? 

Por outro lado, é importante falar que nem tudo são flores, a constante mudança de lugar com o passar do tempo pode começar a ser cansativa, e é normal muitas pessoas não se adaptarem. Fora isso, ainda tem fatores emocionais, como saudade dos amigos e da família, já que boa parte dos nômades viajam sozinho, e mesmo conhecendo pessoas pelo caminho, pode ser uma experiência muito solitária. 

Por isso, muitos nômades recorrem à terapia online para manter a saúde mental em dia (e a terapeuta pode ser nômade também já que atende online). É importante entender que mesmo sendo uma experiência incrível, viver dessa forma pode não ser acessível e nem mesmo ser a escolha de todo mundo, e é apenas uma forma das várias possíveis de colecionar momentos viajando por aí. 

Por isso fique sempre olho nesta coluna A10+ Pelo Mundo, para receber dicas e informações imperdíveis sobre viagens e sobre o mundo em geral. 

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Sobre a coluna

Por Rogério Marques

Por Rogério Marques

Conheça as culturas e tradições de outros países

Fique conectado