Velório de Zagallo será aberto ao público no Rio de Janeiro - Esportes
ÍDOLO

Velório de Zagallo será aberto ao público no Rio de Janeiro

O corpo do ex-treinador será velado neste domingo (7) na sede da CBF, na Barra da Tijuca. O enterro será às 16h, no cemitério São João Batista, em Bot


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

O velório do ex-treinador da seleção brasileira Mário Jorge Lobo Zagallo, que morreu na noite desta sexta-feira (5), aos 92 anos, será neste domingo (7), na sede da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.

A despedida está marcada para começar a partir das 9h30, e será aberta ao público. Já o enterro está previsto para as 16h, no cemitério São João Batista, em Botafogo, na zona sul.

Zagallo morreu por falência múltipla dos órgãos. Ele estava internado desde o final de dezembro em um hospital do Rio. Nas redes sociais, autoridades, fãs e amigos comentaram a trajetória do tetracampeão de futebol.

  
Zagallo
reprodução / Instagram
 
 
 

Recordista em conquistas de Copas do Mundo com quatro títulos, o Velho Lobo começou a carreira no futebol como jogador. Ele inovou e foi o primeiro ponta que voltava para ajudar a marcação no meio campo. Pela versatilidade, acabou roubando a vaga de Pepe, ídolo santista da época.

Treinador

Com 34 anos, Zagallo decidiu se aposentar da carreira de atleta. A partir daí ficou no próprio Botafogo, seu último clube, para ser técnico das categorias de base. Meses depois assumiu o elenco principal, em que acabou com o título da Taça Brasil, equivalente ao Campeonato Brasileiro da época.

Com um trabalho sólido no Fogão, foi convocado para assumir a seleção brasileira para disputa da Copa de 1970, após a demissão de João Saldanha, que havia classificado a equipe para o Mundial, mas não vinha fazendo boa campanha durante a preparação. Considerado o melhor time que já se viu no futebol, a seleção canarinho de 70 encantou o mundo e conquistou o tri mundial sob a batuta de Zagallo.

Ficando na seleção até a Copa de 1974, quando perdeu na semifinal para Holanda, o Velho Lobo rumou para o Fluminense e depois Vasco da Gama. Além dos quatro grandes do Rio, Zagallo também treinou a Portuguesa, Bangu e Al-Hilal, da Arábia Saudita.

De 1974 a 1991, Zagallo ficou de fora do Brasil e teve experiências na seleção do Kuwait, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos. Pela Arábia Saudita, inclusive, foi campeão da Copa da Ásia.

Fonte: R7


Dê sua opinião:

Fique conectado