Anuxa Kelly revela ameaça de Pablo Henrique momentos antes do crime: “Você vai me pagar” - Geral
EM JULGAMENTO

Anuxa Kelly revela ameaça de Pablo Henrique momentos antes do crime: “Você vai me pagar”

Em depoimento, ex-namorada pediu que acusado não estivesse presente na sessão


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

(Atualizada às 11h49)

A 1ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Teresina iniciou na manhã desta terça-feira (30) o julgamento de Pablo Henrique Campos Santos, acusado de feminicídio contra Vanessa Carvalho e de tentativa de feminicídio contra sua então namorada Anuxa Kelly Leite de Alencar. O crime ocorreu no dia 29 de setembro de 2019. (Assista ao vivo aqui). 

Anuxa Kelly foi a primeira a depor. Ela pediu que Pablo não estivesse presente. Ela narrou todos os momentos na festa e que Pablo já teria se irritado quando ela saiu da mesa da festa para ver a entrada da noiva. Eles foram para a pista de dança, todos dançaram, e Anuxa teria ido, a pedido da noiva, dançar com as amigas na frente do palco.  

  

Anuxa Kelly revela ameaça de Pablo Henrique momentos antes do crime: “Você vai me pagar”
Reprodução

  

Morando juntos há cerca de um ano, as brigas eram constantes, Pablo tinha costume de beber, e quando se irritava, deixava Anuxa nos lugares, e ia embora, se não tivesse com alguma pessoa conhecida, Anuxa ficava só. Após as brigas Pablo não pedia desculpas, apenas voltava para casa.

“Ele nunca chegou a me agredir fisicamente, acho que pelo fato de morarmos com minha mãe, mas com palavras era direto, ficava com raiva e saia. Eu ficava com vergonha, e não falava para ninguém, algumas vezes ele dizia que me deixava para não acontecer algo pior. Depois que tudo aconteceu eu soube que ele teria agredido uma ex-namorada, também já vi ele zangado falando alto com a mãe. Sempre que eu tentava conversar ele não queria ouvir”, afirmou.  

"Você vai me pagar"

Em determinado momento da festa, Pablo teria batido no seu ombro e dito “Você vai me pagar”. Amigos ao notarem o acusado já transtornado, pediram que ela fosse embora.

Decididas a ir embora Anuxa e Vanessa foram no carro buscar a chave de casa de Vanessa, quando viram Pablo sair da festa transtornado, correndo. “Nós combinamos de ir embora com a Laiara, mas tinha que ir buscar a chave da casa da Vanessa no carro, quando nós chegamos no carro, vi o Pablo saindo do Buffet, ai eu acelerei com o carro e dei a volta no quarteirão, vi ele correndo atras do carro. Aí eu estacionei o carro e entreguei a chave para que a Laiara entregasse pra ele. Então fomos pro carro da Laiara quando ele veio acelerando o carro”, contou.

Anuxa não se recorda de nenhum momento do acidente, diz apenas saber o que falaram para ela após o ocorrido. Amigos ainda teriam gritado para que elas corressem para a calçada, mas elas não chegaram a ouvir.

Amizade com Vanessa

Segundo Anuxa, sempre que discutiam, era comum ela ir dormir na casa da Vanessa, gerando ciúme em Pablo, entretanto ele nunca chegou a falar explicitamente sobre isso.

Testemunha ocular

A primeira testemunha a depor, foi o delegado Diego Pascoal, que não conhecia nenhum dos envolvidos, mas estava na festa e foi alertado por um dos funcionários do buffet que havia um rapaz que estava causando confusão na festa. 

“Por volta de 3 horas sai da festa eu estava na frente conversando com alguns convidados enquanto a minha esposa se organizava p gente ir para casa, o segurança do buffet veio até mim e relatou que havia um rapaz discutindo brigando e causando confusão na festa”, afirmou. 

  

Julgamento ocorre nesta terça-feira (30)
Reprodução Youtube

  

Ao chegar na rua o delegado viu o carro e começou a acompanhar o conflito a distância. “Eu fiquei acompanhando de longe o conflito, aí eu resolvi ir la pra intervir, ai o casal amigo das vitimas veio ate mim e disse que o conflito já tinha sido resolvido. Eu não os conhecia, mas a informação era que tava tudo resolvido e que eles iam levar as meninas pra casa, ai eu voltei pro buffet e foi no momento que minha esposa saiu, ai foi o momento que ele direciona o carro para as meninas e atinge elas em cheio. Eu tava na rua e quando vi a colisão ele desgovernou e puxou pro meu lado ia batendo no meu carro”, comentou.

A testemunha ocular do crime, revelou ainda que teve a impressão que ele acelerou o carro em cima das meninas, e logo em seguida conseguiu controlar o carro, tanto que não bateu nem no muro nem no poste. “A impressão que eu tive foi que ele acelerou em cima das meninas, Ele mudou a trajetória pra bater nelas, depois puxou pra voltar pra via, ele realinhou o carro e alinhou na via”, disse.

Os convidados da festa começaram a se mobilizar para chamar o Samu e o delegado chamou uma viatura da Polícia Militar para fazer a diligencia e prender Pablo em flagrante. O acusado foi encontrado em casa dormindo, ele foi preso e resistiu à prisão.

“Na festa tinha policiais de várias instituições, liguei para uma viatura da Policia Militar que estava isento, emocionalmente falando. Acompanhei tudo, eles bateram na porta, familiares abriram, o carro estava estacionado na porta, ele estava em casa dormindo, acordou atordoado”, completou.

Relembre o caso

O crime ocorreu no dia 29 de setembro de 2019. Na época do caso, o casal e a amiga estavam em um casamento em um buffet na Avenida Homero Castelo Branco, na zona Leste de Teresina, quando após uma discussão, as duas jovens foram atropeladas pelo empresário.

  

As vítimas foram atropeladas pelo empresário; Vanessa Carvalho faleceu
Reprodução

  

A enfermeira Vanessa Carvalho veio a óbito dentro da ambulância por traumatismo craniano. Anuxa Kelly ficou gravemente ferida. Pablo Henrique foi preso horas depois do crime, em sua residência. Atualmente ele está custodiado na Cadeia Pública de Altos.

Pablo Santos foi preso por homicídio e tentativa de homicídio contra Vanessa e sua então namorada, com a qualificadora de feminicídio. Ele encontra-se na penitenciária de Altos e já teve o pedido de habeas corpus negado no Superior Tribunal de Justiça (STJ) em janeiro do ano passado. Pablo será julgado pelo Tribunal Popular do Júri.

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre a inelegibilidade do ex-presidente Jair Bolsonaro

ver resultado