Tartaruga gigante ameaçada de extinção é encontrada na praia da Pedra do Sal, no Piauí; VÍDEO! - Geral
AVISTAMENTO

Tartaruga gigante ameaçada de extinção é encontrada na praia da Pedra do Sal, no Piauí; VÍDEO!

A espécie, que é criticamente ameaçada de extinção, utiliza a região para realizar o comportamento reprodutivo


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

Uma tartaruga-de-couro ou tarturuga-gigante (Dermochelys coriacea), foi encontrada na madrugada desta terça-feira (14) na praia da Pedra do Sal, litoral piauiense. A espécie, que é criticamente ameaçada de extinção, utiliza a região para realizar o comportamento reprodutivo

De acordo com o Instituto Tartarugas do Delta, o animal era uma fêmea e apresentava 1.55 metro de carapaça. Para o A10+, Werlanne Magalhães, bióloga e vice-presidente do Instituto, explicou que ela subiu na praia para a confecção do seu ninho e foi acompanhada pela equipe durante o processo, até seu retorno à água.

“Durante o monitoramento, a equipe registrou a ocorrência da subida dessa fêmea. Um dos comportamentos reprodutivos é confeccionar o ninho. Foi por volta das doze horas. A tartaruga realizou a confecção do ninho, terminou e então a equipe fez alguns procedimentos biométricos. Depois de concluído, o animal fecha o ninho; a equipe sinalizou o ninho para que não ocorra passagem de veículos ou algum tipo de animal na praia”, explicou.

A especialista destacou ainda que o trabalho agora é monitorar e acompanhar a desova, que pode ocorrer entre 55 a 70 dias. Além disso, dentro da atuação do  Instituto Tartarugas do Delta, Werlanne Magalhães pontua que o litoral piauiense é o menor da costa brasileira, mas um dos mais importantes por servir cenário reprodutivo de pelo menos cinco espécies. 

  

Tartaruga gigante criticamente ameaçada de extinção é encontrada na praia da Pedra do Sal Reprodução

   

“É uma área que tem a presença das 5 espécies do Brasil. Existem 7 espécies no mundo, delas, 5 frequentam a costa brasileira e o Piauí funciona como berçário para as 5 espécies do Brasil; é uma área muito importante. Protegendo a desova, estamos contribuindo para um programa nacional dessa espécies”, finaliza a bióloga. 

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre a inelegibilidade do ex-presidente Jair Bolsonaro

ver resultado