Homem executado dentro de casa com filha de 4 anos possuía várias passagens pela polícia no Piauí - Polícia
CRIME

Homem executado dentro de casa com filha de 4 anos possuía várias passagens pela polícia no Piauí

O A10+ apurou que o homem já tinha sido preso por tráfico de drogas, roubo e adulteração de veículo


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

Francisco Eduardo Guimarães Santos, de 25 anos, que foi morto a tiros junto com sua filha de 4 anos na noite de quinta-feira (11), foi preso diversas vezes por tráfico de drogas entre outros crimes. A motivação do crime ainda é desconhecida. 

O A10+ teve acesso ao histórico criminal da vítima. No documento consta que Francisco Eduardo já foi preso por tráfico, roubo e adulteração de sinal identificador de veículo. Em 2018, ele foi preso em uma casa abandonada no bairro Santa Fé, que usava para comercializar entorpecentes. Com ele, foram encontrados 10 invólucros de substância análoga a maconha e outros 10 contendo crack. 

  

Homem assassinado dentro de casa com filha de 4 anos possuía várias passagens pela polícia Reprodução

   

A última prisão ocorreu em dezembro de 2023, quando ele foi abordado em uma ronda pilotando uma motocicleta em alta velocidade. Na abordagem, ele não estava com os documentos do veículo e, na verificação, constatou que as numerações do chassi e do motor estavam parcialmente adulteradas.

À TV Antena 10, o delegado Francisco Costa, o Barêtta, informou que dois supostos autores do crime foram identificados"Nós já temos os nomes de dois supostos autores do crime, mas é preciso que a gente trabalhe, que a gente investigue. Uma coisa é a gente supor e a outra é a gente provar. E a Polícia Civil, através do DHPP, tem essa atribuição de investigar, identificar e prender criminosos", disse.

  

Francisco e Ana Heloise Reprodução/Internet

   

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre a inelegibilidade do ex-presidente Jair Bolsonaro

ver resultado