POLÍCIA

Secretaria de Segurança confirma 2ª prisão de piauiense em atos antidemocráticos no DF

Segundo a SSP, mulher participou de atos de vandalismo que ocorreram em Brasília


A Secretaria Estadual de Segurança Pública, através do Gabinete de Crise Contras Atos Antidemocráticos, confirmou nesta quarta-feira (18), a prisão da piauiense Edigleuma Maria da Rocha, em Brasília. O A10+ tentou, mas a PC-PI não divulgou imagens da suspeita.

Segundo a SSP, a mulher é acusada de participar dos atos contra o Estado Democrático de Direito, no dia 08 de janeiro no Distrito Federal. Além dela, um jovem de 19 anos, também piauiense, já foi preso.

  

Secretaria de Segurança confirma 2ª prisão de piauiense em atos antidemocráticos no DF Reprodução

   

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes manteve, nesta terça-feira (17), 140 vândalos presos após audiências de custódia sobre o ataque às sedes dos Três Poderes, em 8 de janeiro. Ao todo, 1.459 audiências foram realizadas entre 13 e 17 de janeiro.  

Moraes deliberou sobre 200 acusados de atos de vandalismo nesta terça — 140 tiveram a prisão em flagrante convertida em prisão preventiva e 60 pessoas foram liberadas e responderão ao processo em liberdade.

Entenda o caso

No dia 8 de janeiro, um grupo de pessoas contrárias ao resultado da eleição presidencial ignorou o bloqueio da Polícia Militar na Praça dos Três Poderes e invadiu os prédios do Congresso Nacional, do Palácio do Planalto e do Supremo Tribunal Federal (STF).

Vídeos publicados nas redes sociais mostram o momento em que os manifestantes subiram a rampa do Congresso Nacional e invadiram a parte superior, onde ficam as cúpulas do Senado Federal e da Câmara dos Deputados, além do Salão Verde, localizado dentro do edifício.

📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque