No Piauí, gestante é conduzida após tentar agredir o ex com barra de ferro e morder policial - Polícia
19 ANOS

No Piauí, gestante é conduzida após tentar agredir o ex com barra de ferro e morder policial

A mulher ainda tentou agredir com a barra de ferro populares que passavam pelas adjacências


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

Uma gestante de 19 anos, identificada apenas pelas iniciais D.A.F, foi conduzida para a Delegacia de Polícia Civil de Jaicós, no Sul do Piauí, após tentar agredir seu ex-companheiro com uma barra de ferro e ainda morder a mão de um policial. O caso aconteceu na tarde desta quinta-feira (07), no bairro Serranópolis. 

Em entrevista ao A10+, o tenente Tenório, comandante da Polícia Militar de Jaicós, explicou que após o término do relacionamento, a jovem passou  a ameaçar o ex, supostamente usando da situação gestacional, de aproximadamente 6 meses. Segundo o comandante, o homem chegou a registrar um Boletim de Ocorrência contra a jovem por um episódio de agressão no dia anterior. 

  

No Piauí, gestante é conduzida após tentar agredir o ex com barra de ferro e morder policial
Reprodução
  

“A situação dessa senhora é que ela teve o término do relacionamento e estaria usando a gestação para cometer ilícitos, como ameaças e lesões, destruindo patrimônio. Situação complicada, mas a PM deu a resposta a contento. Ele compareceu e fez um boletim no dia anterior, de uma tentativa de lesão e dano ao patrimônio. Só que na data de ontem ela voltou a ameaçar ele, pegou uma barra de ferro, só que dessa vez ele não quis representar”, explicou. 

Após ser acionada e chegar ao local, a equipe encontrou a mulher em aparente surto psicótico, tentando agredir o ex. Os policiais iniciaram o diálogo para tentar contê-la da melhor forma, contudo, após deixar o homem em segurança, foi necessário intervenção policial quando a gestante tentou agredir com a barra de ferro populares que passavam pelas adjacências.

D.A.F foi contida  e conduzida a uma unidade hospitalar pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).  Ela foi submetida a exames e encaminhada em seguida para a delegacia. O PM que teve a mão mordida durante a contenção da jovem fez exame de corpo de delito, devido a lesão ocasionada. A Polícia Civil está conduzindo o caso.

Fonte: Portal A10+ com informações da PMPI


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

APÓS DESISTÊNCIA DE JOE BIDEN, VOCÊ ACREDITA QUE KAMALA TEM CHANCES DE DERROTAR TRUMP NOS EUA

ver resultado