PM é preso suspeito de matar a tiros policial civil no litoral do Piauí - Polícia
CRIME

PM é preso suspeito de matar a tiros policial civil no litoral do Piauí

A arma do policial civil, que havia sido levada pelo autor do crime, foi entregue por ele na unidade de segurança


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

(Atualizada às 11h55)

Um policial militar, identificado como cabo Valério Neto, foi preso suspeito de ser o assassino do policial civil Alexsandro Cavalcante Ferreira (foto abaixo). O caso foi registrado na madrugada desta quarta-feira (13), na cidade de Parnaíba, no litoral do Piauí.

O PM se apresentou à autoridade policial na Central de Flagrantes da cidade. A informação foi confirmada pelo delegado-geral, Luccy Keiko.  

Cabo Valério e PC Alex Divulgação

     

Alexsandro era escrivão da Delegacia da Mulher de Parnaíba e teve a arma levada durante a ação criminosa. O policial foi encontrado morto na calçada de uma residência nas primeiras horas da manhã de hoje.

"A Polícia Civil está de luto, tivemos conhecimento do policial de nome Alex, lotado na Delegacia da Mulher, que foi assassinado durante a madrugada. Desde então, foram feitas as diligências ininterruptas para tentar identificar o autor do crime. Tivemos o conhecimento de que se trata de um policial militar. A Polícia Militar, em Parnaíba, não colocou nenhum obstáculo e nos ajudou apresentando, rapidamente, esse policial para ser autuado em flagrante pelo crime de homicídio", destacou o delegado.

Luccy Keiko ainda prestou solidariedade aos familiares e amigos do PC Alex. "Quero me solidarizar com os familiares e amigos e dizer que é uma perda inestimável. Era um excelente policial e infelizmente ocorreu esse crime", disse.

Ainda não há informações sobre a motivação do crime. "O procedimento está acontecendo não se tem notícia formal do depoimento prestado por ele. Se sabe que foi mais de um disparo. A equipe de investigadores está nas ruas para esclarecer a dinâmica e, naturalmente, a motivação desse fato", disse o delegado Luccy Keiko à TV Antena 10.

A arma do policial civil, que havia sido levada pelo autor do crime, foi entregue por ele na unidade de segurança. A arma do PM também foi apreendida.

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre o projeto aprovado pela Câmara que equipara aborto a homicídio

ver resultado