FEMINICÍDIO

Polícia diz que pai de acusado socorreu mulher vítima de feminicídio

Suzana Carvalho foi morta a facadas na madrugada desta segunda (14) em Barras


A Polícia Civil está à procura de Lindojhosson de Sá Ferreira Furtado, suspeito de assassinar sua companheira, Suzana Carvalho a facadas. O delegado Marcelo Leal, da Gerência de Polícia do Interior (GPI) afirmou que a vítima chegou a ser socorrida pelo pai do acusado, que provavelmente testemunhou o crime.

 

Pai de acusado socorreu mulher vítima de feminicídio
 

 
“O pai do autor do fato foi quem socorreu a vitima, e possivelmente presenciou toda a ação na zona rural de Barras, após isso a PM foi acionada, e a perícia também foi ao local”, afirmou Marcelo Leal em entrevista à TV Antena 10. 

Suzana Carvalho foi morta a golpes de faca no povoado Mocambo, zona Rural de Barras, interior do Piauí, nesse domingo (13). Segundo a polícia, o marido da vítima, Lindojhosson de Sá Ferreira Furtado, é o principal suspeito do crime.

O casal já havia se separado, mas eles retomaram a relação há três meses. A vítima estava na zona Rural quando foi surpreendida pelo marido com um golpe de faca. Ainda não há informações sobre a motivação do crime.

Mesmo ferida, Suzana ainda chegou a ser encaminhada ao Hospital Regional Leônidas Melo, mas não resistiu aos ferimentos. Ela foi morta com quatro golpes de faca.

A vítima deixa um filho pequeno. O suspeito do crime fugiu e ainda não foi localizado. Na cidade, moradores e familiares lamentaram o caso e pediram justiça.

Matéria relacionada

Mulher é morta a facadas e marido é o principal suspeito do crime

📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.


Dê sua opinião: