Eleitores de Dom Expedito Lopes e Gilbués, no Piauí, voltam às urnas neste domingo (03) - Política
PLEITO

Eleitores de Dom Expedito Lopes e Gilbués, no Piauí, voltam às urnas neste domingo (03)

Moradores de Dom Expedito Lopes vão eleger prefeito e vice. Já em Gilbués, serão escolhidos nove vereadores


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

As cidades de Dom Expedito Lopes-PI e Gilbués-PI terão eleição suplementar neste domingo (03). Na ocasião, moradores de Dom Expedito Lopes vão eleger prefeito e vice. A realização do novo pleito deve-se a execução do Acórdão do Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI) que cassou os mandatos de Valmir Barbosa de Araújo (Partido Republicanos) e de Evanil Conrado de Moura Lopes (Partido Republicanos), eleitos em 2020 aos cargos de Prefeito e Vice-Prefeita de Dom Expedito Lopes, por captação ilícita de sufrágio (compra de voto), exarado em Sessão Judiciária Ordinária realizada pela Corte Eleitoral Piauiense, em 6 de novembro de 2023.

Três chapas disputam os cargos de Prefeito e Vice-Prefeito em Dom Expedito Lopes. Os candidatos a Prefeito e Vice são, respectivamente: Joaquim Barbosa Neto e Wilson de Sousa Fé (PT), Agenor Ferreira Lima e Kyldary Gomes Gonçalves (MDB) e Jonas de Moura Carvalho e Everaldo Gonçalves de Moura (Republicanos). Nenhum desses concorrentes foram candidatos na última Eleição Municipal de 2020.

  

Urna eletrônica Agência Brasil

   

Em Gilbués, serão escolhidos nove vereadores. O motivo desta eleição suplementar proporcional é que em sessão realizada no dia 12 de setembro de 2023, o TSE anulou todos os votos recebidos por candidatos do Partido Progressistas (PP) ao cargo de vereador e cassou os cinco parlamentares eleitos pela legenda, incluindo o presidente da Câmara Municipal, por fraude à cota de gênero mediante o lançamento de candidaturas femininas fictícias nas Eleições 2020.

Na ocasião, o Colegiado comprovou que Ana Vitória Pereira Xavier, Lacy Verônica Fernandes Figueredo e Vilma Pêssego Vogado foram registradas como candidatas fictícias em 2020 somente para completar a cota obrigatória de 30% de candidaturas femininas registradas pelo Partido com o intuito de burlar a legislação eleitoral. A medida resultou na anulação de mais da metade dos votos válidos para o cargo de vereador na cidade, correspondendo a 52% do total da Câmara de Vereadores, integrada por nove parlamentares.

A nova eleição para a Câmara Municipal de Gilbués (PI) será realizada para a renovação integral de todas as nove cadeiras destinadas ao cargo de vereador. A decisão foi proferida, por maioria, pelo Plenário do TSE, na sessão realizada, em 05 de dezembro 2023, com base no artigo 224 do Código Eleitoral (Lei nº 4.737/1965), que determina a realização de eleições quando a nulidade de uma anterior abranger mais de 50% dos votos válidos. Será admitida a participação de todos os partidos, inclusive da sigla que deu causa à fraude à cota de gênero nas Eleições 2020. Ao todo, 20 nomes iram disputar uma das nove vagas na Câmara Municipal de Gilbués.

Dom Expedito Lopes, localizado a 295Km ao Sul de Teresina-PI, é Termo Judiciário da 62ª Zona Eleitoral de Picos-PI, que tem como Juiz o Dr. Fabrício Paulo Cysne de Novaes, responsável pela realização da referida eleição. Já Gilbués, distante 596Km de Teresina, é sede da 35ª Zona Eleitoral e tem como Juíza a Dra. Rita de Cássia da Silva, que será responsável pela realização do pleito suplementar para vereadores no referido município.

Fonte: Portal A10+ com informações do TRE-PI


Dê sua opinião:

Fique conectado