Hospital Estadual Dirceu Arcoverde registra aumento de 45% dos atendimentos em fisioterapia - Saúde
BALANÇO

Hospital Estadual Dirceu Arcoverde registra aumento de 45% dos atendimentos em fisioterapia

Desempenho é resultado de investimento consistente em profissionais qualificados, equipamentos modernos e uma abordagem mais centrada no paciente


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

O Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), em Parnaíba, registrou um aumento de 45% nos atendimentos em fisioterapia, em comparação com o mesmo período do ano anterior. A unidade de saúde é administrada pelo Instituto Saúde e Cidadania (ISAC).

Diariamente são atendidos, em média, 90 pacientes. Só no mês de agosto foram cerca de 6.240 pessoas beneficiadas. Os atendimentos fisioterápicos acontecem de segunda a sexta, de 7h às 11h e das 13h às 17h, e contam com 9 profissionais fisioterapeutas.

  

Hospital Estadual Dirceu Arcoverde registra aumento de 45% dos atendimentos em fisioterapia Divulgação
   

O aumento no número de atendimentos de fisioterapia é resultado de um investimento consistente em profissionais qualificados, equipamentos modernos e uma abordagem mais centrada no paciente.

“Estamos comprometidos em oferecer o melhor atendimento possível aos nossos pacientes. Com o apoio da SESAPI e a expertise do ISAC, conseguimos elevar a qualidade dos serviços de fisioterapia a um nível que beneficia significativamente a comunidade local”, afirmou o diretor técnico do HEDA, Dr. Carlos Alberto Teixeira Costa.

Os pacientes que se beneficiaram desse aumento na qualidade dos procedimentos de fisioterapia relatam os resultados positivos em suas vidas. Raimunda Gonçalves, 57 anos, procurou o Centro de Reabilitação há 3 meses em razão de dores na coluna. “Estou amando o atendimento, principalmente a profissional que tem uma dedicação exemplar. Quando cheguei aqui, eu tinha tanta dor que não aguentava ficar em pé, mas agora com o tratamento daqui é tudo de bom, só tenho gratidão”, relata Raimunda.

José Ribamar Souza Gomes, 72 anos, também faz fisioterapia no HEDA há 3 meses e se diz muito satisfeito com o atendimento: “Eu passei 48 dias na UTI devido a um problema que tenho no coração. Hoje estou passando por um processo de reabilitação e a fisioterapia tem me ajudado bastante. O atendimento aqui é maravilhoso. Já me sinto bem e só tenho que agradecer”.

Matheus Linhares, 24 anos, teve traumatismo craniano e está na fase final da reabilitação. “Estou quase 100%. Me falaram que aqui era o melhor local para minha reabilitação e apostamos na minha jornada aqui há quase 2 anos. Só tenho elogios para os profissionais. Após o trauma que tive, perdi o movimento do braço e hoje já consigo movimentá-lo. Só gratidão pelo excelente atendimento”, pontuou.

O Centro de Reabilitação PROMEDICA, anexo 1 do HEDA, tem sido referência na região Norte, atendendo pacientes da Planície Litorânea e do Maranhão.

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre o projeto aprovado pela Câmara que equipara aborto a homicídio

ver resultado