BRASIL

Ganhador da Mega-Sena é sequestrado e assassinado no interior de São Paulo

Homem que havia levado R$ 47 milhões em 2020 foi morto em Hortolândia


Um homem que ganhou a Mega-Sena em 2020 foi assassinado em Hortolândia (SP), no interior de São Paulo. Jonas Lucas Alves Dias foi achado com sinais de tortura nesta quarta-feira (14) em uma alça de acesso da rodovia dos Bandeirantes, mas morreu no hospital. 

A vítima havia recebido R$ 47 milhões em 2020, quando foi um dos dois acertadores de um concurso da Mega-Sena. Jonas tinha cravado os seis números com uma aposta simples.

  

Ganhador da Mega-Sena é sequestrado e assassinado no interior de São Paulo
Reprodução
  

Ele estaria praticando uma caminhada quando foi abordado por criminosos e desapareceu, na terça-feira (13). Em seguida, foram feitas tentativas de saques, uma delas no valor de R$ 3 milhões. A gerente desconfiou do pedido em mensagem de celular supostamente feito por Jonas e não autorizou a transação.

Os criminosos conseguiram, no entanto, fazer retiradas de outra forma: R$ 18 mil por Pix e R$ 2.000 em caixas eletrônicos.

A Polícia Civil investiga o caso e já obteve imagens de câmeras de segurança que mostram o corpo de Jonas Lucas Dias sendo deixado na estrada. Para a polícia, os criminosos premeditaram o sequesto e sabiam que se tratava de um milionário. A apuração prossegue.

📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

Fonte: R7


Dê sua opinião: