ENTREGA

Teresina ganha Centro de Controle Operacional e contará com 470 câmeras até dezembro

A entrega foi feita nesta quinta-feira (25)


O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, realizou, nesta quinta-feira (25), a entrega do novo Centro de Controle Operacional (CCO), da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS). O evento contou com representantes do Ministério da Justiça, gestores do município e agentes de trânsito. Até o fim do ano, o centro contará com 470 câmeras espalhadas por toda cidade. A prefeitura investiu cerca R$ 26 milhões e pretende colocar Teresina como uma das cidades mais modernas no que diz respeito à mobilidade e segurança no trânsito do Brasil.

A nova sala de monitoramento possibilitará a fiscalização semafórica, além de contribuir para a melhoria dos aspectos de segurança pública, pois, colaborará com órgãos como GCM, PM/PI, PF, PRF, CBME/PI e Polícia Civil, por meio das delegacias especializadas. Outros benefícios como comunicar a população em tempo real com informações de interesse coletivo, aumento na segurança de veículos e pedestres, gerenciamento de fluxo de veículos e do tempo de viagem nas principais vias poderão ser observadas nos próximos meses.

  

Teresina ganha Centro de Controle Operacional e contará com 470 câmeras até dezembro
Rômulo Piauilino / Semcom
 


O gestor municipal ressaltou o quão importante é o novo CCO, que é administrada por um consórcio. “Minha impressão, em um primeiro momento, foi excelente, quando entramos na administração municipal aqui existia somente um ‘embrião’, o início de uma ideia, um esboço do que era para ser, este centro operacional e de monitoramento irá em muito auxiliar na segurança do município. Portanto, estamos vendo a conclusão da obra, que beneficiará inclusive cidades circunvizinhas. Daqui poderemos monitorar absolutamente tudo, desde as paradas de ônibus até a movimentação do transporte público. Teresina ganha com isso. É mais proteção, é mais segurança”, ressaltou o prefeito.

Durante a apresentação da estrutura da sala de controle do novo centro de operações, o superintendente da Strans, Cláudio Pessoa, explicou como deve funcionar e, principalmente, como as centenas de câmeras espalhadas cidades irão auxiliar outros órgãos com informações precisas e em tempo real sobre o que estiver acontecendo na cidade e assim traçar melhores estratégias na resolução de crises e problemas rotineiros.

  
Teresina ganha Centro de Controle Operacional e contará com 470 câmeras até dezembro
Rômulo Piauilino / Semcom
 

“Estamos animados com a construção desse centro, ele vai contribuir para a mobilidade urbana, tão quanto para a mobilidade humana, tudo isso, por meio das tecnologias que foram apresentadas nesta manhã. As soluções tecnológicas vão desde sistemas integrados, quanto às câmeras de monitoramento e sensores espalhados pela cidade. A partir de agora, poderemos auxiliar, no tráfego de veículos, e auxiliar órgãos de meio ambiente e saúde. Exercendo assim nossa função com primazia, consequentemente, melhorando a vida dos nossos munícipes”, explicou o gestor.


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião: