‘Dinheiro esquecido’ já supera R$ 8 bilhões no serviço do Banco Central - Economia
ECONOMIA

‘Dinheiro esquecido’ já supera R$ 8 bilhões no serviço do Banco Central

Novos valores podem ser incluídos por bancos e instituições financeiras no Sistema de Valores a Receber


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

O total de dinheiro esquecido em instituições financeiras e bancos para ser resgatado pelos consumidores já superou R$ 8 bilhões. O SVR (Sistema de Valores a Receber), do Banco Central, atualizou nesta sexta-feira (07) o valor para devolução em R$ 8.156.607.692,27. Em março do ano passado, quando começou a segunda etapa do programa, esse valor era de R$ 6 bilhões.

Já foram devolvidos R$ 6,7 bilhões, de um total de R$ 14,9 bilhões postos à disposição. A primeira etapa começou em março de 2022.

  
'Dinheiro esquecido’ já supera R$ 8 bilhões no serviço do Banco Central
 
 
 
 
Segundo o Banco Central, o Sistema de Valores a Receber é aberto, e, por isso, novos valores podem ser incluídos mensalmente por instituições financeiras.

“A consulta e o pedido de resgate podem ser feitos a qualquer tempo. Reiteramos que os valores não resgatados permanecem guardados nas instituições financeiras. Não há previsão legal para qualquer outro direcionamento dos recursos”, afirma o BC em nota.

Como recuperar os valores

Para consultar se tem valores a receber, basta acessar o sistema no site do Banco Central e preencher os campos com o CPF (Cadastro de Pessoa Física) ou CNPJ (Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica).

O Banco Central alerta para os seguintes cuidados

  • O único site para consultar e saber como solicitar a devolução dos valores, da empresa ou de pessoas falecidas, é o valoresareceber.bcb.gov.br.
  • Todos os serviços do Valores a Receber são totalmente gratuitos. Não faça nenhum tipo de pagamento para ter acesso aos valores.
  • O Banco Central não envia links nem entra em contato para tratar de valores a receber ou para confirmar seus dados pessoais.
  • Somente a instituição que aparece no Sistema de Valores a Receber é que pode contatar você, e ela nunca vai pedir sua senha.
  • Não clique em links suspeitos enviados por email, SMS, WhatsApp ou Telegram

Fonte: R7


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre o projeto aprovado pela Câmara que equipara aborto a homicídio

ver resultado