APURAÇÃO

MP apura possíveis irregularidades em shopping que apresentou rachaduras em Teresina

Rachaduras apareceram no local no dia 15 de janeiro


O Ministério Público do Estado do Piauí (MPPI), por meio da 24ª Promotoria de Justiça de Teresina, instaurou um ofício para que seja apurada a existência de rachaduras em espaços do Shopping Rio Poty e de eventuais danos ou irregularidades ambientais. 

MPPI apura possíveis irregularidades em shopping que apresentou rachaduras em Teresina
Reprodução

   

Segundo o MPPI, a 24ª PJ, que é especializada na defesa do meio ambiente e do patrimônio histórico e cultural, constatou a necessidade de atuação, diante das notícias veiculadas na mídia sobre a ocorrência de rachaduras no piso de um dos pavimentos do shopping. O incidente foi registrado no último domingo, 15 de janeiro.

Foram expedidos ofícios à Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas Centro (SAAD/CENTRO), à Construtora Sá Cavalcante e ao Corpo de Bombeiros Militar do Piauí (CBM), com solicitação de vistoria e de relatório técnico, bem como ao Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Piauí (CREA), com pedido de auxílio e apoio para realização de vistoria in loco e para emissão de laudo técnico sobre a estrutura do prédio. A 24ª PJ está acompanhando e fiscalizando o ocorrido.

Esta semana uma inspeção feita pelo engenheiro civil Daniel Carvalho de Britto e a equipe de uma empresa constatou que não há qualquer comprometimento na estrutura do Shopping Rio Poty, localizado em Teresina. A fiscalização ocorreu após o piso do estabelecimento apresentar rachaduras. O caso, divulgado nas redes sociais, preocupou clientes que visitam o local.

📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque