Empresário Gordinho do Peixe, acusado de agredir blogueira, é preso - Polícia
PRISÃO

Empresário Gordinho do Peixe, acusado de agredir blogueira, é preso

O A10+ apurou que ele se apresentou à polícia na manhã desta terça-feira (16)


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

(Atualizada às 11h08)

O empresário Luiz José de Moura Neto, conhecido como Gordinho do Peixe, foi preso nesta terça-feira (16). Contra ele havia um mandado de prisão em aberto. A TV Antena 10 e o A10+ apuraram que ele já estava sendo monitorado pela polícia, desde a divulgação do caso, e se apresentou nesta manhã na sede da Secretaria de Segurança Pública (SSP-PI).

Ele é acusado de agredir a blogueira Pâmela Xavier e a ex-namorada Isabela Azevedo na semana passada em Teresina. A agressão foi tão violenta que a vítima desmaiou. O caso foi denunciado em 1ª mão pelo A10+ no último sábado (13). Segundo a polícia, Gordinho do Peixe já responde por outro processo de violência doméstica.

  

Empresário Gordinho do Peixe, acusado de agredir blogueira, é preso
Reprodução

   

"O inquérito está sendo instruído e nos próximos dias ele será remetido para justiça. Nesse momento o investigado será encaminhado para exame de corpo de delito e posteriormente será encaminhado à Central de Flagrantes. Amanhã ele passa por audiência de custódia", explica o superintendente de ações integradas da Secretaria de Segurança Pública, o delegado Matheus Zanatta.


Após se entregar, o empresário passou por exame pericial no Instituto Médico Legal (IML) e será encaminhado para penitenciária Prof. José de Ribamar, a antiga Casa de Custódia, em Teresina.

"Ele diz que não lembra do ocorrido (agressões contra Pâmela). Disse que estava tomando remédio para emagrecer e ingeriu bebida alcoólica, então quanto a esse ocorrido ele diz que não lembra. Ele alegou no depoimento que logo após sair do Texano na quinta-feira, ele foi para casa, a Isabela foi buscar ele, levou até a casa dela e lá ele estava com outra testemunha e iniciou uma discussão. Ele começou a ameaçar as duas meninas que estavam no apartamento. Quando foi embora se deparou com a Pâmela e outra testemunha, e depois desferiu os socos", completou Zanatta.

Na segunda (15), Pâmela Xavier, Isabela Azevedo, Carlene dos Santos e Maria Eduarda procuraram a Delegacia da Mulher e solicitaram uma medida protetiva contra o empresário. Em entrevista ao Balanço Geral Piauí, da TV Antena 10, a blogueira afirmou que um funcionário do acusado ofereceu dinheiro para que elas retirassem as denúncias. Elas alegam que, desde a divulgação do caso, estão sendo intimidadas e que amigos de Luís José estariam tentando descredibilizar a versão delas. 

"Desde o dia do acontecido que eu estou indo em delegacia atrás de justiça, falam que estamos atrás de mídia. Como vou atrás disso com meu rosto deformado? Todos da minha família querem justiça e é isso que eu estou recorrendo. Minha amiga Isa estava com a gente em um restaurante jantando e eu fui simplesmente agredida por só tá indo no condomínio dela socorrer porque ela ligou pedindo ajuda", contou a jovem. 

Pâmela e as amigas estavam em um restaurante e Luís José também estava no local, mas em outra mesa. Após provocações, elas alegam que foram embora, mas foram seguidas por ele. Pâmela deu mais detalhes sobre as agressões e contou que Isabela e outra amiga foram para o apartamento e que recebeu uma ligação dela pedindo ajuda, alegando que empresário estaria ameaçando jogar as duas do 6º andar do prédio. 


“Fomos para o apartamento da Isa, no qual ele perseguiu a gente e proibiu a nossa entrada. Ele já tinha seguido as meninas, invadiu o apartamento e agrediu a Isa e outra amiga, e ameaçou jogá-las do 6º andar. Eles brigaram, depois ele desceu com a cachorra dela [Isa]. Uma amiga minha pediu pra ele devolver a cachorra e ele começou a proferir palavras de baixo calão. Chamou todas de pu***. Ela conseguiu com muita luta tomar a cachorra e eu fiquei em baixo [na rua] esperando, foi quando ele começou a me xingar, que eu era drogada. Eu nem sei quem ele é. Ele tava com um amigo na hora, quando me aproximei pra ele provar que eu uso drogas, ele me empurrou e depois me deu um soco, foi aí que eu apaguei e não vi mais nada”, relatou Pâmela em entrevista ao A10+. 

Isabela Azevedo, ex-namorada, contou à TV Antena 10 que os dois tiveram um relacionamento de um mês e que o namoro foi conturbado, com várias agressões, o que, segundo ela, teria motivado o término. "A relação foi muito conturbada, entre idas e vindas durante um mês, só que a gente já se conhecia há quase um ano. Tínhamos firmado um relacionamento e sempre foi assim, com agressões verbais, físicas, humilhações… quando bebia ele se transformava, mas eu nunca imaginei que ele ia chegar a agredir uma outra pessoa", afirmou. 

Assista ao vídeo abaixo:

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

APÓS DESISTÊNCIA DE JOE BIDEN, VOCÊ ACREDITA QUE KAMALA TEM CHANCES DE DERROTAR TRUMP NOS EUA

ver resultado