Filho de piloto receberia R$ 50 mil para passar informações e pilotar aeronave roubada em Teresina - Polícia
DESDOBRAMENTOS

Filho de piloto receberia R$ 50 mil para passar informações e pilotar aeronave roubada em Teresina

Segundo a polícia, ele chegou a receber R$ 7 mil; avião é do médico Jacinto Lay


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

O filho do piloto envolvido no roubo da aeronave do médico Jacinto Lay receberia R$ 50 mil reais para repassar informações sobre o avião. Mykhaell Make Abreu Pereira, de 20 anos, foi preso na última quinta-feira (16) apontado como informante do grupo. O caso aconteceu no dia 14 de janeiro, na zona Leste de Teresina.

Em entrevista ao Balanço Geral, da TV Antena 10, o delegado Charles Pessoa do DRACO informou que ele confessou que recebeu uma proposta para participar do crime. As investigações apontaram também que ele estava no dia do roubo, para pilotar a aeronave. Inicialmente, o jovem alegou que não tinha recebido nenhuma oferta para repassar as informações. 

  

Filho de piloto receberia R$ 50 mil para passar informações e pilotar aeronave roubada em Teresina Reprodução

   

"A gente continua nesse processo de investigação, já temos inclusive essas informações da participação do filho do piloto e ontem em interrogatório complementar ele confessou essas informações que a gente já tinha ciência, que participou diretamente da ação de repassar as informações pra esse grupo criminoso. Eles se reuniram algumas vezes com parte dessa organização", disse o delegado.

O delegado também comentou que durante o depoimento ele alegou que parte do valor que foi prometido só recebeu uma quantia de R$ 7 mil. A prisão dele deve ser convertida em definitiva com as novas provas.

"Ele ia receber 50 mil reais para passar as informações e ajudar no deslocamento da aeronave como um dos pilotos. A gente já identificou que ele recebeu menos de R$ 7 mil, ele alegou que não recebeu o restante do dinheiro", comentou.  

As investigações do crime seguem em andamento e, segundo o delegado, outras pessoas que participaram da ação já foram identificadas. Além dele, outras 17 pessoas já foram presas suspeitas de participar do roubo.

Relembre o caso

A aeronave do médico Jacinto Lay, avaliada em R$ 2 milhões, foi localizada no dia 23 de janeiro na zona rural do município de Juara, que fica a 638km de Cuiabá/MT. De acordo com a polícia, o avião que possivelmente teria como destino a Bolívia, fez um pouso forçado em uma área de pastagem, numa fazenda localizada a 80km da cidade de Juara.

  

Suspeitos de roubar avião do médico Jacinto Lay são presos pela polícia Reprodução

   

Segundo a polícia, um cartel de drogas da Bolívia foi responsável pelo roubo do avião. Durante as investigações, a polícia descobriu que o avião foi pintado e havia alguns adesivos na lataria. Foi identificado que a plaqueta de identificação da aeronave era divergente da que estava no avião. Dentro da aeronave foram apreendidos dois GPSs, um rádio HT, um diário de bordo e uma pasta com manuais e carta de rota.

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre a inelegibilidade do ex-presidente Jair Bolsonaro

ver resultado