Mãe e padrasto de menina que teve morte encefálica após maus-tratos são presos no Piauí - Polícia
AÇÃO POLICIAL

Mãe e padrasto de menina que teve morte encefálica após maus-tratos são presos no Piauí

A criança, de apenas 3 anos, foi internada no HUT com suspeita de maus-tratos; a morte encefálica foi confirmada nesta segunda (22)


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

A mãe e o padrasto da menina Ana Karoline Gomes Nunes, de 3 anos, foram presos na tarde desta segunda-feira (22), horas antes da confirmação da morte encefálica da vítima que estava internada, desde o dia 15 de abril, no Hospital de Urgência de Teresina (HUT). A menina deu entrada em hospital no interior do estado com quadro convulsivo, manchas escuras pelo corpo e clavícula fraturada. 

M.K.N.de O.  e E F.S.R. foram presos nesta tarde em Esperantina-PI no âmbito das investigações do crime de homicídio qualificado pela tortura e em contexto de violência doméstica e familiar contra a pequena Ana Karoline, de 3 anos. Com a mãe e o padrasto, a polícia apreendeu vários celulares que serão periciados. 

  

Mãe e padrasto de menina que teve morte encefálica após maus-tratos são presos no Piauí PC-PI

   

No último dia 15 de abril, o Serviço de Assistência Social do Hospital Júlio Hartman de Esperantina comunicou ao Conselho Tutelar o suposto crime de maus-tratos contra a menina, que foi atendida na unidade de saúde. De imediato, segundo a polícia, foi instaurado inquérito policial para investigar o caso. Devido a gravidade do caso, a menina foi transferida - no mesmo dia - para o HUT. 

De acordo com a polícia, o casal pode responder pelo crime de homicídio qualificado pela tortura e em contexto de violência doméstica e familiar contra menor e feminicídio.

  

Menina de 3 anos, internada no HUT por suspeita de maus-tratos, tem morte encefálica confirmada Reprodução

   

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre a inelegibilidade do ex-presidente Jair Bolsonaro

ver resultado