Para encerrar greve dos trabalhadores, Strans propõe repasse de R$ 3,3 milhões ao Setut - Geral
EM TERESINA

Para encerrar greve dos trabalhadores, Strans propõe repasse de R$ 3,3 milhões ao Setut

Movimento grevista dos motoristas e cobradores de ônibus completou uma semana na capital


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

(Atualizada às 14h40)

A Superintendência Municipal de Transporte (Strans) informou ao A10+ nesta terça-feira (21) que apresentou uma nova proposta de aumento do subsídio aos consórcios que operam no transporte coletivo de Teresina. O novo valor é de R$ 3,3 milhões para que as empresas regularizem o pagamento dos motoristas e cobradores de ônibus. O movimento grevista já dura oito dias na capital. 

Na proposta, foi dado o prazo de 24 horas para que os consórcios respondam a Strans acerca do repasse. Entre as reivindicações, os trabalhadores querem a assinatura da convenção coletiva. Eles alegam que estão há 50 dias sem receber o salário.

  

Greve dos motoristas e cobradores completou uma semana em Teresina
Jade Araújo / A10+

   

Na semana passada, a Prefeitura de Teresina anunciou que iria repassar R$ 1,5 milhão aos empresários, no entanto, o Setut relatou que esse valor não foi repassado. O prefeito Dr. Pessoa (RP) garantiu, sem dizer como, que vai resolver a crise no sistema ainda este mês.

Na manhã de hoje, motoristas, cobradores e representantes de várias entidades se uniram em um protesto em defesa do transporte coletivo em frente ao Fórum Criminal de Teresina. A categoria chegou a fechar uma dos sentidos da Avenida Frei Serafim, no Centro da capital.

O que diz o Setut?

Em nota, o Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (SETUT) informou que recebeu a proposta encaminhada pela Strans de aumento de subsídio e que segue analisando o conteúdo. 

"A entidade reforça que tem buscado da melhor forma junto às entidades, soluções efetivas para que a greve tenha fim e os ônibus voltem a circular em Teresina", disse. 

Os trabalhadores não aceitaram a proposta apresentada pelo Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (Setut), durante audiência realizada no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), quando foi proposto um reajuste de 6% nos salários, além de 20% no auxílio alimentação e 33% no auxílio saúde.

Veja abaixo a nota na íntegra:

NOTA À IMPRENSA
A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) informa que encaminhou, nesta segunda-feira (20), uma proposta de aumento de subsídio no valor de R$ 3.300.000,00 (três milhões e trezentos mil reais) para os Consórcios que operam o sistema de transporte público na Capital, para o equilíbrio financeiro no sistema e, assim, possa ter fim a greve dos trabalhadores do transporte público. 
Na proposta, foi dado o prazo de 24 horas para a resposta dos Consórcios para a Strans.

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre o projeto aprovado pela Câmara que equipara aborto a homicídio

ver resultado