Sargento da PM suspeito de envolvimento com facção criminosa é preso novamente em operação no Piauí - Polícia
AÇÃO POLICIAL

Sargento da PM suspeito de envolvimento com facção criminosa é preso novamente em operação no Piauí

O A10+ apurou que o PM é investigado pela acusação de passar informações privilegiadas e fazer a segurança do líder da facção criminosa


📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

Um sargento da Polícia Militar do Piauí, identificado como Francisco Ferreira de Sousa Filho, foi preso novamente na cidade de Pedro II, ao Norte do Piauí, na manhã desta quarta-feira (05). O homem já havia sido detido pelo Departamento de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (DRACO), em abril desse ano por envolvimento com facção criminosa. 

À TV Antena 10, o coronal Jacks Galvão informou, que nesse caso, o policial seria suspeito de participar do tráfico de drogas em grupos criminosos.

Operação do Draco foi deflagrada nesta quarta-feira (05)
Reprodução

   

"Foi identificado nas investigações da Draco, que acusam que ele tem participação em algumas atividades ilícitas como a venda de entorpecentes. Isso está sendo apurado e a PM prestou todo o apoio para o mandado ser cumprido", disse.

O policial foi encaminhado para a sede do Draco para os devidos procedimentos relacionados ao caso.

A prisão ocorreu no âmbito das Operação 125 e 126. O objetivo seriam o cumprimento a 48 mandados de busca e apreensão em Demerval Lobão e Lagoa do Piauí, e 13 mandados de prisão em Pedro IINa ocasião, os policiais apreenderam drogas. Uma parte delas estava dentro de vasilhas na cozinha de um dos alvos. 

"No decorrer da nossa investigação, percebemos que alguns monitorados estavam migrando de endereços, continuamos monitorando até que deflagramos essa ação. Um dos presos tem atuação, em Demerval Lobão, com facção criminosa e tráfico de entorpecentes, A esposa dele está grávida e eles já têm cinco crianças. Não temos dúvida da participação dos dois nos crimes", disse o delegado Charles à TV Antena 10.

Dentre outros presos, a polícia conseguiu cumprir mandado contra um homem que possuía uma deficiência física, usava cadeira de rodas, e atuava no tráfico de drogas na cidade de Demerval Lobão.

Primeira prisão do PM

O A10+ apurou que o PM é investigado pela acusação de passar informações privilegiadas e fazer a segurança do líder da facção criminosa. Com ele, as equipes encontraram um carro com adulterações.

"As forças de segurança pública, através de seus serviços de inteligências, identificaram indícios de desvio de conduta do determinado policial militar e, de pronto, o comandante-geral, o coronel Scheiwann, determinou a Corregedoria ir até a cidade de Pedro II, com o Draco, para prender em flagrante o policial militar, que estava com sinal identificador de um veículo automotor adulterado", explicou o coronel Erisvaldo Viana em entrevista à TV Antena 10 à época.

O comandante do policiamento meio-norte ainda destacou que o sargento seria submetido ainda a um procedimento administrativos no âmbito da corporação. O policial militar passou por audiência de custódia, onde foi decretada prisão preventiva, e ele estava recolhido em Teresina. Não se sabe quando e por qual motivo ele estava em liberdade.

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião:

Fique conectado

Inscreva-se na nossa lista de emails para receber as principais notícias!

*nós não fazemos spam

Em destaque

Enquete

Qual sua opinião sobre o projeto aprovado pela Câmara que equipara aborto a homicídio

ver resultado