ENTREVISTA

Governador eleito, Rafael Fonteles afirma que segurança e educação serão prioridades em mandato

Petista concedeu entrevista nesta segunda-feira (03) à TV Antena 10 e falou sobre vitória


O governador eleito Rafael Fonteles (PT) esteve nesta segunda-feira (03) no programa Bancada Piauí, na TV Antena 10, e falou sobre projeções e expectativas para seu mandato. Segundo Fonteles, seu plano de governo é robusto e elaborado e as prioridades serão educação, segurança pública e geração de renda.

“São prioridades a educação de tempo integral, a descentralização dos serviços de média e alta complexidade para os hospitais e o interior do estado, um fortalecimento da segurança pública, o combate efetivo às facções criminosas e a minha grande obsessão, que é gerar oportunidade de trabalho e emprego e renda pro nosso povo apostando sobretudo nos pequenos negócios do campo e da cidade que são os grandes empregadores de mão de obra”, disse.

  

Rafael Fonteles
Laura Parente/ A10+

  

Fonteles continuou falando sobre segurança pública, que é uma das grandes preocupações atuais dos piauienses que observam a violência crescendo a cada dia. De acordo com o governador eleito, os piauienses já poderão ver mudanças no setor no início de seu mandato.

“A segurança, eu posso garantir ao povo piauiense, será prioridade absoluta, principalmente aqui na capital. Então o combate rigoroso às facções criminosas combinado com mais oportunidades aos nossos jovens será uma tônica, será uma prioridade que a população já vai se sentir a partir dos primeiros dias de governo porque a gente realmente identificou como sendo o principal problema do povo do Piauí e que vai requerer uma atitude enérgica da parte do governador do estado”, explicou Fonteles.

Alianças no Senado Federal

Rafael comentou sobre seus dois aliados no senado, que serão Wellington Dias e Marcelo Castro. Fonteles disse que, por conta dessa aliança, o Piauí passará a receber muito mais recursos financeiros para o desenvolvimento do estado.

  

Rafael Fonteles
Laura Parente/ A10+

  

"Eu vou ter privilégio de contar com o senador Wellington Dias e o senador Marcelo Castro. O Marcelo relator do orçamento, Wellington uma experiência de quem já foi governador, já foi senador, já foi deputado federal. Pra nos ajudar a coordenar a bancada de deputados federais junto aos ministérios, junto ao presidente pra trazer recursos para o Piauí. É claro que é fundamental que o Lula seja eleito presidente mas sem dúvida sendo Wellington e Marcelo do Senado o Piauí vai receber o maior volume de recursos da sua história", disse.

Secretariado

Hoje mais cedo o governador eleito anunciou em seu Twitter que o atual secretário de Fazenda Antônio Luíz Soares aceitou seu convite para continuar como secretário da Sefaz durante seu mandato. Fonteles explicou que ao longo dos meses mais nomes do secretariado serão relevados e que o foco agora é continuar com a campanha para Lula no Piauí.

Mais de 450 mil abstenções no Piauí

O Piauí teve o 5º menor número de abstenções no Brasil, mas mesmo assim ainda deixou de registrar 454.788 mil votos válidos. Rafael falou sobre a importância dos piauienses voltarem às urnas no dia 30 de outubro para eleger o Presidente da República e disse que sua campanha para Lula será forte no Piauí.

  

Lula durante visita ao Piauí em agosto deste ano
Reprodução

   

“Todo mundo tem que de fato exercer o direito e o dever de votar no segundo turno. Esse sim é o papel dos líderes, coordenar para que a população de fato vá às urnas com presença até maior do que o primeiro turno, porque existe uma tese que é o Nordeste que vai garantir a eleição de Lula. O Sudeste mais uma vez sucumbiu a máquina de fake news que acontece 48 horas antes do pleito como aconteceu em 2018”, informou.

A cidade de Guaribas foi o município Brasileiro que, proporcionalmente, mais votou em Lula neste domingo. O candidato pelo PT recebeu 92% dos votos aptos no primeiro turno na cidade. No Piauí, Lula recebeu 74% dos votos válidos e, de acordo com Rafael, a meta é que o ex-presidente receba 80% dos votos no segundo turno.

📲 Siga o A10+ no Instagram, Facebook e Twitter.

Fonte: Portal A10+


Dê sua opinião: